Seja um amigo do TETO e ajude a fazer diferença

Por Alexandre Inagakisexta-feira, 07 de dezembro de 2012

Nos acostumamos ou não queremos ver nossas chagas? É mais fácil fugir dos problemas do que encará-los? Lidar com a extrema pobreza e a desigualdade do nosso país é um desafio que requer força, dedicação e perseverança.

Há muita coisa a se fazer a fim de tornar este mundo um pouco melhor. Felizmente, enquanto há gente ranzinza por aí que passa o tempo reclamando do governo e das grandes corporações, esquivando-se de quaisquer responsabilidades pessoais e limitando-se a espalhar comentários indignados tão úteis e construtivos quanto um botão quebrado de Scroll Lock, outras pessoas decidem arregaçar as mangas ajudando na construção de uma sociedade menos desigual.

O TETO é uma organização não governamental que atua em 19 países da América Latina. Em seus 15 anos de existência, graças ao apoio de parceiros e doações, o TETO construiu mais de 85 mil moradias de emergência, mobilizando mais de 1 milhão de voluntários em todo o continente. Desde novembro de 2006, atua também no Brasil, organizando mutirões de construção e construindo casas de madeira para famílias que vivem em situação de extrema pobreza. Uma matéria do Profissão Repórter, gravada no Chile (país de origem da ONG, que na época ainda era chamada “Um Teto Para Meu País”), retrata bem como é um desses mutirões.

Uma boa oportunidade de conhecer melhor o trabalho incrível do TETO é visitar a Teto e Tinta, exposição com trabalhos de mais de 200 artistas que customizaram casinhas-cofre de madeira, miniaturas das moradias construídas pela ONG. Todo o dinheiro arrecadado com a venda dessas obras será revertido para a construção de novas casas de emergência em comunidades precárias.

Ficou interessado em apoiar as atividades do TETO? Há várias maneiras de fazer isso, e uma delas é participar como voluntário para botar a mão na massa e ajudar a construir uma casa. O próximo mutirão, que será realizado neste fim de semana, já está com as inscrições encerradas, e por isso vale a pena acompanhar a página no Facebook para saber quando acontecerão os próximos. Você também pode se tornar um amigo do TETO, tornando-se um apoiador. Todas as informações estão disponíveis neste link.

Tomando emprestadas, por fim, as palavras de Sófocles:

A obra humana mais bela é a de ser útil ao próximo.”

Pense Nisso!
Alexandre Inagaki

Alexandre Inagaki é jornalista, consultor de projetos de comunicação digital, japaraguaio, cínico cênico, poeta bissexto, air drummer, fã de Cortázar, Cabral, Mizoguchi, Gaiman e Hitchcock, torcedor do Guarani Futebol Clube, leonino e futuro fundador do Clube dos Procrastinadores Anônimos, não necessariamente nesta ordem.

Categorias:

Comentários do Facebook

Comentários do Blog

  • elismar

    A vida é boa e cheia de possibilidades. Este trabalho está
    de parabéns assim com o site desta entidade preocupada com o próximo. Deixo meu
    blog para uma divulgação a mais se for de interesse. http://informativoclarana.blogspot.com.br/

  • Lorena Rocco

    “Felizmente, enquanto há gente ranzinza por aí que passa o tempo reclamando do governo e das grandes corporações, esquivando-se de quaisquer responsabilidades pessoais e limitando-se a espalhar comentários indignados”.

    É exatamente isso. Estou com um projeto de Férias junto com alguns amigos para ajudar um abrigo de crianças. Enquanto muita gente, apoia ou pelo menos torce, outros viram a cara e finge que nada lhe diz respeito.

    Acho a iniciativa do TETO sensacional e merece todo crédito, divulgação e apoio.

  • José Freitas

    Este blog é criativo e interessante.

    Também tem interesse http://www.anticolonial21.blogspot.com

    Tem mais de 700 posts em arquivo.

    No Brasil está o calor do Verão, em Portugal é ao contrário,
    está o frio do Inverno.

Pense Nisso! Alexandre Inagaki

Alexandre Inagaki é jornalista e consultor de comunicação em mídias digitais. É japaraguaio, cínico cênico. torcedor do Guarani Futebol Clube e futuro fundador do Clube dos Procrastinadores Anônimos. Já plantou semente de feijão em algodão, criou um tamagotchi (que acabou morrendo de fome) e mantém este blog. Luta para ser considerado mais do que um rosto bonitinho e não leva a sério pessoas que falam de si mesmas na terceira pessoa.

Trilha Sonora



Parceiros

Mantra

A vida é boa e cheia de possibilidades.
A vida é boa e cheia de possibilidades.
A vida é boa e cheia de possibilidades.